É simples, mas é cosplay sim!


Decidi fazer essa postagem por ser o marco histórico da ignorância de uma cosplayer bem famosa nesse meio e que pode explicar finalmente o que eu quis tanto dizer e ninguém entendeu meses atrás. Vocês se lembram quando eu falava que não dava pra lidar com o pessoal famoso da "elite cosplay" e por isso mesmo eu estava largando mão desse meio? Então.

Pra quem pegou o bonde andando, não citamos nomes, mas a garota em questão foi até a publicação de uma outra, sendo que ela nem a tinha adicionada e segundo a garota elas nem se falavam, somente para ofender e falar mal da roupa que ela estava usando dizendo que devido a falta de detalhes e por ser comprado no ebay, não era cosplay. A mesma cosplayer em questão, havia feito posts poucos dias antes em favor de que os cosplayers deveriam se respeitar e não criticar os outros, também houve muitos cochichos em respeito de photoshop, alguns dizendo que ela defendeu que deveriam usar photoshop depois dizendo que não deveriam usar, defendeu os asiáticos, depois defendeu os brasileiros, e todo mundo está extremamente confuso.

Eu não vou discutir com vocês sobre a índole dessas duas pessoas envolvidas nessa briga, porque isso pra mim não importa, mas a atitude é bem interessante que vocês observem para que vocês possam entender ao menos um pouco sobre o que passamos nesse meio, e é esse post é pra você, que criticou, jogou pedras dizendo que isso não existia entre cosplayers, pegue seu banquinho e sente aqui do meu lado.

Somos todos cosplayers, certo? O certo seria que um ajudasse o outro, então quando eu vejo essas atitudes de cosplayers principalmente as mais visadas que deveriam ser exemplo para as pessoas, quando elas não sabem se calar, perceber o que foi feito e parar aí, não, elas tem que continuar com discursinho de ódio dizendo que "se está faltando acessório não é cosplay" e usando desculpa de que cosplay é muito mais do que só uma roupa só para que o discurso não tenha parecido tão escroto quanto foi para mim, eu acho lamentável. Sabe quando você chega ao ápice da ignorância? Então, foi onde chegamos hoje.

Eu acho que você pode ter o seu dinheiro, mas você não pode exigir que todo mundo o tenha, ou seja sustentado pelo pai, cada um paga o cosplay da forma como consegue pagar, e se a forma dela foi comprar uma roupa de R$ 80,00 no ebay, então ela vai usar essa roupa e acabou e o cosplay dela vai ser bom assim, porque se a pessoa gosta do personagem é isso que importa. Claro que aqui estamos colocando várias pautas, e eu não vou dizer se de fato a menina gostava ou não da personagem porque eu não a conheço e nós sabemos que vivemos num mundo hoje que vi a foto na capa do jogo já estou fazendo cosplay, mas julgamos que ela goste, não vai deixar de ser cosplay porque a roupa dela está faltando um detalhe. Até porque, falta bom senso, altruísmo e capacidade de raciocínio lógico em muita gente e eles não deixam de ser pessoas.

É meio complicado ser cosplayer numa época onde as pessoas colocam a imagem digital acima de tudo e todos os sentimentos, na verdade, é muito complicado ser um humano nessa época, as coisas que acabamos vendo são muitas vezes deploráveis e totalmente desnecessárias que as vezes seria melhor não serem vistas. E o pior, é que as mesmas pessoas que fazem isso com os outros querem exigir respeito ao cosplayer depois. Mas me diga, como você quer exigir respeito se você mesmo não respeita o próximo?

Uma das maiores campanhas desse ano foi em pró dessa pessoa, já que havia ocorrido uma "grande injustiça" com ela em um evento onde um apresentador acabava lambendo o braço dela. Todos nas redes sociais se mobilizaram para fazer campanha, o que na época eu achei um imenso absurdo e até um toque de jogada de marketing, visto que foi sim um desrespeito, mas também um grande exagero a comoção que isso gerou nesse meio, sendo que situações bem piores de abuso não chegavam a ter toda essa visibilidade que na época os apelos dela tiveram.

E hoje estamos aqui vendo xingamentos dela para uma menina que aparentemente ela não conhece numa página do facebook somente porque a roupa da tal menina não possuía os detalhes necessários que segundo ela precisam para ser considerada um cosplay. O que pode ser considerado um cosplay? Vamos lá. Peguem seus caderninhos aí nas aulas que eu havia dado a vocês. Cosplay nada mais é do que, gostar de um personagem e querer se vestir igual a ele, se formos levar em consideração detalhes, que os personagens são fictícios, e que tentamos de alguma forma nos assemelhar a eles, nessa lógica, nunca poderíamos fazer cosplay, porque muitas vezes não temos os poderes dos personagens, não temos as características físicas dos personagens, crossplayers então nem se fala, podem desistir, não tiveram nem chance, uma morte trágica na praia.

Já está na hora de realmente colocar as campanhas que você faz em prática e saber que palavras não são só feitas para ser jogadas numa página em branco sem significado. Se você é a favor de igualdade, então veja as pessoas como iguais, não com diferenças, não ache que você é superior a ninguém. Se você defende que cosplayers devem ser respeitados independente da situação, não vamos xingar o coleguinha no facebook, sejamos menos hipócritas porque hoje em dia, e com gente desse tipo logo não vai sobrar tanta gente no mundo cosplay, então temos mesmo é que nos defender, porque se nos atacarmos, vamos fazer o que quando houver desrespeito de terceiros contra nós? 

É simples, mas é cosplay sim!

Compartilhe:

Deixe um comentário

2 comentários:

  1. Acredito que isso é geral...e outra...eventos também nao colaboram para a disseminar nossas campanhas de respeito ao cosplay dentro do proprio evento...entao...gostei do conteúdo da materia colega cosplayer (não desista de nossa nobre arte) palavras de uma presidente de um grande grupo cosplay. Outro dia minha filha que mora no sul foi terrivelmente ofendida nas redes por uma cosplayer topizinha.

    ResponderExcluir
  2. Por isso não gosto de cosplayer famosinho. A pessoa acha que pode pisar nos outros, se achar a superior, humilhar só porque tem um monte de gente que lambe ela e puxa saco de tudo que ela faz. Conheço uns assim por aqui que vem de outra cidade e faz até grupo pra se sentirem os superiores, acho que mandam a cidade inteira fazer um personagem só pra falar "viu o meu grupo tem mais personagens do que o seu"
    Saudades quando eu ficava animada pra ir nos eventos e agora não consigo mais por causa de gente assim.

    ResponderExcluir